Filme: Este Mundo é um Hospício


Gênero: Comédia

Ano de lançamento: 1944

Duração: 118 minutos

Direção: Frank Capra

Elenco: Cary Grant, Josephine Hull, Jean Adair, Raymond Massey.

Sinopse

Brooklyn, Nova York, 1941. Em uma pequena casa próxima a um cemitério vivem duas gentis e doces senhoras, Martha (Jean Adair) e Abby Brewster (Josephine Hull), que desenvolveram um péssimo hábito: matar velhos solitários. Elas acreditam que isto seja um ato de caridade com suas vítimas. O sobrinho delas, Mortimer (Cary Grant), um crítico dramático que não tem a menor idéia dos "atos humanitários" de suas tias, tenta discretamente conseguir um licença de casamento para se casar com Elaine Harper (Priscilla Lane). Martha e Abby resolveram o problema de sumir com os corpos iludindo um sobrinho pirado, Teddy (John Alexander), que pensa que é Teddy Roosevelt, pois dizem para ele que vai para o Panamá cavar outra "comporta" para o canal. Esta "comporta" fica no porão e lá os corpos são ents. Mortimer e Elaine chegam, dizendo que já estão casados. Pensando em agradar o sogro (Grant Mitchell), um reverendo que foi contra este casamento, Abby e Mortimer tentam achar as anotações do seu próximo livro. Em um breve instante que Abby deixa seu sobrinho sozinho na sala ele abre uma arca e encontra um corpo. Inicialmente acha que o responsável é Teddy, assim comunica o fato para as suas tias. Mas elas, com toda a calma do mundo, lhe explicam que Teddy não teve nada com isto e sim elas, que puseram veneno no vinho. Mortimer está totalmente confuso e espantado com as declarações, mas elas explicam que fizeram isto pois o defunto era um homem solitário e agora não sofrerá mais. Mortimer fica sabendo que este é o 12º corpo a ser ent no porão. Elaine aparece ansiosa para viajar em lua-de-mel, mas esta não é mais a prioridade de Mortimer.



Comentários

Preencha os dados abaixo para comentar